fbpx
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR

Obrigado

Enviado com sucesso. O seu ebook vai a caminho

15ª Semana de Gravidez

Está na altura de falarmos sobre sexo na gravidez. Vamos também falar dos alimentos com ferro e relembrar os exercícios de kegel, que te podem ajudar nesta fase. Quanto a sintomas da gravidez, temos de abordar essa prisão de ventre e a periodontite (tudo bem com as tuas gengivas e dentes?). Sobre o teu baby, a tua laranjinha já chucha no polegar!

Luciana Puzziello
Validado por:

Luciana Puzziello Ginecologista-Obstetra

Catarina Martins
Escrito por:

Catarina Martins Colaboradora da Dra. Cegonha

Carolina Mateus
Escrito por:

Carolina Mateus Colaboradora da Dra. Cegonha

O meu bebé

  • Idade de gestação 15 semanas

  • Idade Fetal 13 Semanas

  • Comprimento do embrião 10 cm (medida da cabeça
    até ao fundo das costas)

  • Gestação 105 dias

  • Peso do embrião 70g (aproximadamente)

  • Tamanho Laranja

Se pudesses pegar na tua laranja, nesta décima-quinta semana de gestação, ela ou ele caberia na palma da tua mão! Nesta altura, o feto tem a pele muito fina e poderias ver com clareza as suas pequenas veias. Mas o teu citrino anda muito ocupado dentro da tua barriga: além de já chuchar no polegar, está concentrado em praticar também a respiração e a deglutição, para poder sobreviver quando saltar cá para fora. Além desses exercícios, o teu útero também é agora um autêntico ginásio. Lá dentro, o teu pequenote começa a tentar perceber o que pode fazer com as pernas e com os braços. Podes ainda não sentir nada às 15 semanas de gravidez, mas está para breve!

Saúde e nutrição

E porque tens uma laranja, laranjas deves comer! A vitamina C continua a ser muito importante para manter o teu sistema imunitário forte e não deixar que te constipes ou apanhes uma gripe.

Vamos também conversar sobre o ferro. Este mineral é crucial para garantir que produzes glóbulos vermelhos em quantidade suficiente para ti e para o teu bebé. É a hemoglobina que garante que consegues oxigenar eficientemente o teu corpo e o dele(a). As carnes vermelhas, as aves e o peixe oferecem um bom aporte deste nutriente, assim como as leguminosas e as verduras escuras. E, para maximizar a absorção do ferro, evita beber chá, café ou bebidas com tanino, durante e após as refeições.

Por falar em refeições, tens feito várias ao longo do dia? Lembra-te que não deves estar mais do que três horas sem comer. Algumas mamãs costumam ter prisão de ventre neste segundo semestre de gestação. O segredo é apostar nas fibras.

Frutas como o kiwi e ameixa, os frutos secos e os legumes fresquinhos podem dar-te uma grande ajuda. Isso e beber muita água!

O meu corpo

À 15ª semana de gravidez, os sintomas mais chatos já te deram tranquilidade e o estado de graça é uma bênção, verdade? Ou tens alguma razão para não sorrir… relacionada com os dentes? 

Olha-te ao espelho e analisa bem as tuas gengivas. Estão vermelhas, tens sangrado ou sentido uma maior sensibilidade nos últimos tempos? E os teus dentes, têm abanado? As hormonas da gravidez, culpadas outra vez. Calma, não são elas que podem causar problemas dentários, mas tornam todos os tecidos mais sensíveis e susceptíveis a infecções. A periodontite é uma inflamação nos tecidos que envolvem os nossos dentes e que deve ser tratada aos primeiros sinais de aparecimento. Se vês alguma alteração num sorriso de mamã que deve ser o mais bonito do mundo, consulta o teu dentista já amanhã.

Já te aconteceu espirrar, dar uma gargalhada, chorar um bocadinho e… perderes urina? É normal. Lembra-te que o teu útero está a fazer uma pressão na tua bexiga à qual ela ainda não se habituou. E que vai piorar, porque o teu bebé está a crescer cada vez mais. Os exercícios de Kegel, de que já te falámos anteriormente, vão ajudar a combater estas perdas de urina, na medida em que tornam o teu períneo mais elástico. Isto também te vai ajudar na hora do parto, para evitares a episiotomia (corte do períneo durante ao parto – este procedimento não é recomendado, salvo algumas excepções.)

O meu dia-a-dia

Sexo na gravidez. Vamos falar disto? Durante a gravidez, algumas mulheres vêem o seu desejo sexual a aumentar como nunca antes e outras nem conseguem pensar em sexo (e outras sentem uma coisa numa semana, e a outra na semana seguinte). Mas apostamos que, a algum ponto durante os 9 meses, todas se questionam sobre aquilo que podem ou não fazer na cama com o parceiro ou parceira. Aqui a principal regra é: desde que não estejas a passar por uma gravidez de risco (ou de que o teu médico ou médica não tenha dito para não teres relações), vão para o quarto (ou onde preferirem, não julgamos) e divirtam-se!

Se pensares bem, até parece que o teu corpo te está a pedir para o fazeres: a maior sensibilidade lá em baixo por causa do aumento do fluxo sanguíneo, as descargas vaginais a funcionar como lubrificante… #justsaying.

Caso o teu par tenha herpes, já tenha tido no passado ou esteja com sintomas, esqueçam o sexo oral. Da mesma forma, nada de soprar: fazê-lo pode causar a formação de uma bolha de ar no teu fluxo sanguíneo, o que pode ser fatal para o teu bebé e para ti.

Caso o teu par tenha herpes, já tenha tido no passado ou esteja com sintomas, esqueçam o sexo oral. Da mesma forma, nada de soprar: fazê-lo pode causar a formação de uma bolha de ar no teu fluxo sanguíneo, o que pode ser fatal para o teu bebé e para ti.

E se estiveres sozinha, podes encontrar na masturbação uma boa maneira de descontraíres, dedicares tempo a ti própria e aliviares alguns sintomas físicos como os enjoos e as dores de costas, principalmente à medida que o tamanho da barriga aumenta e o número de posições sexuais confortáveis diminui.

Mas também pode acontecer nada disto te soar bem, talvez pelas mudanças que o teu corpo tem vindo a sofrer, pelas náuseas ou dores nas mamas, porque estás demasiado cansada ou por causa das hormonas da gravidez. Não te preocupes, é perfeitamente normal e há como lidar com isto. Fala com o teu parceiro ou parceira e sê completamente honesta. Vejam isto como uma oportunidade de explorarem novas formas de intimidade e não como um constrangimento – não há nada como manter uma atitude positiva!

TENS OUVIDO QUEIXAS SOBRE RESSONAR?

O facto de estares a produzir muita progesterona pode levar a que as tuas vias respiratórias inchem um bocadinho e isso bloqueia parcialmente a passagem do ar. Se o teu parceiro ressona, diz-lhe que é o karma.

Além do teu parceiro, também tu poderás estar a viver noites de sono menos tranquilas. Seja para diminuir o desconforto do peso da tua barriguinha e, eventualmente, alguma preocupação, o ideal é que durmas de lado e com uma almofada entre as pernas.  

Por outro lado, nem tudo é mau, nos momentos a dois dentro do quarto. Com quinze semanas de gravidez, poderás estar a viver uma fase de maior apetite sexual e, não havendo contra-indicação médica, isso é de aproveitar!
Luciana Puzziello
Validado por:

Luciana Puzziello Ginecologista-Obstetra

Catarina Martins
Escrito por:

Catarina Martins Colaboradora da Dra. Cegonha

Carolina Mateus
Escrito por:

Carolina Mateus Colaboradora da Dra. Cegonha

Partilhar