fbpx

1ª semana de gravidez

Na 1ª semana de gravidez, tecnicamente, ainda não há bebé nem sintomas de gravidez – estás apenas no período pré-ovulatório. Nós explicamos porquê. Se fizeres as contas ao teu ciclo, saberás que o período fértil vem aí.

Luciana Puzziello
Validado por:

Luciana Puzziello Ginecologista-Obstetra

Catarina Martins
Escrito por:

Catarina Martins Dra. Cegonha | Copywriter

Carolina Mateus
Escrito por:

Carolina Mateus Dra. Cegonha | Copywriter

O meu bebé

  • Idade de gestação 1 semana

  • Gestação 7 dias

Na primeira semana de gestação, quando tecnicamente ainda não há bebé, devemos considerar que estás apenas no período pré-ovulatório – já te explicamos porquê. Mas há muita coisa para fazer para transformar esta numa  semana de gravidez. Principalmente, muito amor! Terminada a última menstruação, é hora de começar a preparar a concepção. Se fizeres as contas ao teu ciclo, saberás que o período fértil vem aí e há que levar todo o empenho para a cama (ou para onde a vossa imaginação vos levar!). 

E como calcular o período fértil? Tendo o primeiro dia da tua última menstruação como ponto de partida, que é o 1º dia do ciclo menstrual, conta 14 dias: é nesse dia que o óvulo desce pelas trompas de falópio, onde encontrará o “vencedor da primeira maratona de cada um de nós” e depois segue até ao útero. Imaginando que o teu último período menstrual começou no dia 12 do mês, a ovulação deverá acontecer no dia 26 do mesmo mês. Ainda assim, o período fértil da mulher inclui os dois/três dias antes e depois, na medida em que um espermatozóide pode sobreviver em média até 72h após a ejaculação, e fertilizar o óvulo apenas quando este ficar maduro. Por isso, se fizeste sexo desprotegido no dia 24, a fecundação pode ocorrer apenas no dia 26, o 14º do ciclo que te damos como exemplo. Relações sexuais, principalmente nesta altura, não são demais!

Saúde e nutrição

Fora algumas excepções, querer engravidar e ter um estilo de vida saudável é meio caminho andado para conseguir. E as recomendações são bem simples:

alimentação saudável e equilibrada; se tens vícios, o relógio biológico diz que esta é a hora certa para acabares com eles.

Se estás a começar agora a tentar engravidar, aproveita esta fase de preparação da gravidez para fazer exames de rotina (o teu parceiro também) e até consultar um obstetra. Independentemente da tua/vossa idade, a boa saúde e a fertilidade caminham de mãos dadas, e isso fará com que possas avançar neste guia mais depressa.

O meu corpo

Uma “gravidez” começa antes da concepção do bebé, ou seja, neste período pré-ovulatório e mais concretamente, no último dia do teu período menstrual. E é também por isso que a contagem da gravidez é feita semana a semana e não em meses. 

A compreensão do ciclo menstrual é essencial para perceber o porquê desta questão de nas duas primeiras semanas não haver bebé. Até porque, principalmente se for menina, vai dar-te jeito relembrares estas coisas para lhe explicares um dia mais tarde. Vamos voltar à escola?

O ciclo menstrual, dura, normalmente, 28 dias, e tem três fases:

  • Fase folicular: começa no primeiro dia da menstruação e pode durar até 12 dias. Durante esta fase, os ovários estão a amadurecer os teus óvulos e com ajuda do hormônio folículo-estimulante, pelo qual podes agradecer ao teu cérebro.
  • Fase ovulatória: o estrogénio aumenta e aumenta a luteína também, que é a hormona que vai “escolher” o teu óvulo mais maduro e enviá-lo para o teu útero. É nesta fase, ao 14º dia, que ocorre a ovulação e o teu óvulo fica à espera de um espermatozóide por 24h.
  • Fase lútea: nos últimos 12 dias do ciclo, o nível de progesterona e estrogénio aumentam (culpa-os pela TPM!) e, se houver fecundação, o óvulo fica no útero e… “olá bebé!”.

É pouco provável que sintas sintomas de gravidez na 1 semana mas, a partir da próxima semana, poderás sentir o teu peito um pouco dorido e notar um aumento do teu apetite sexual. São os primeiros sintomas de gravidez! Um conselho? Aproveita!

O meu dia-a-dia

Com 1 semana de gravidez, o importante é que relaxes e não penses demais sobre o assunto: sai com as amigas, namora muito, passeia, faz desporto, vai ao cinema… Lembra-te que, provavelmente, daqui a nove meses terás muitas fraldas para mudar e não terás tanto tempo para os teus pequenos prazeres.

Durante a primeira semana de gravidez – ou melhor, durante o período pré-ovulatório -, explorem tudo o que mais gostarem em relação ao sexo. Contudo, quando se aproximar o período fértil, tentem evitar o sexo oral e o uso de lubrificantes, porque a saliva e a grande maioria dos produtos alteram a qualidade do esperma. Vá… depois compensam!
Luciana Puzziello
Validado por:

Luciana Puzziello Ginecologista-Obstetra

Catarina Martins
Escrito por:

Catarina Martins Dra. Cegonha | Copywriter

Carolina Mateus
Escrito por:

Carolina Mateus Dra. Cegonha | Copywriter