fbpx
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR

Obrigado

Enviado com sucesso. O seu ebook vai a caminho

Carla Selas do Amaral
Escrito por:

Carla Selas do Amaral Arte Psicoterapeuta; Colaboradora do Banco do Bebé

Os benefícios da música durante a gravidez

Os benefícios da música durante a gravidez

Durante a gravidez surgem muitas dúvidas e fantasias sobre o novo ser que, com tanto amor, cuidamos no nosso ventre. Imaginamos como ele será, com quem será parecido, do que gostará e sonhamos mesmo com o momento do seu nascimento e o minuto em que o teremos nos braços pela primeira vez. Mas das várias dúvidas que nos surgem durante a gravidez, uma delas é certamente se o nosso bebé, ainda tão pequenino no nosso ventre, nos ouve e como nos ouve.

Será que é importante para o bebé em formação ainda in utero, ouvir a nossa voz, os sons, e até a música que vem do mundo exterior?

Apesar do aparelho auditivo do feto se desenvolver por volta da terceira semana de gestação, só se torna funcional a partir da 16ª semana, tornando-se plenamente ativo durante a 24ª semana.

musica durante a gravidez

No terceiro trimestre o seu bebé será com certeza capaz de ouvir e reconhecer a sua voz, sons e musica. É por isso importante que converse serenamente, que se rodeie de sons suaves e que escolha musicas calmas ou de embalar, que despertam no bebé calma e tranquilidade. Ao longo da gestação deverá também evitar que o feto seja sujeito a sons muito altos e desadequados na sua voz, sons exteriores demasiado barulhentos dado que estes poderão ser stressantes e prejudiciais para desenvolvimento do bebé.

Mas qual o efeito da voz materna no seu bebé ainda não nascido? Pesquisas dizem que, quando a mãe conversa e lê em voz alta, a sua voz exerce um efeito calmante sobre o feto ou o recém-nascido, diminuindo a frequência cardíaca. Foi demonstrado que a entoação da voz molda a aprendizagem auditiva, levando mais tarde o recém-nascido a reconhecer e desenvolver desde muito cedo preferência pela voz da mãe. A voz materna não só afeta o desenvolvimento do sistema auditivo do bebé, como consequentemente, também afeta o desenvolvimento social e emocional deste. É através da voz materna que se criam os primeiro vínculos entre a mãe e o filho, vínculos estes tão importantes no futuro, para o desenvolvimento saudável da estrutura psíquica do bebé.

Porém, tendo sido estabelecido cientificamente a importância da voz materna no desenvolvimento do bebé, mantêm-se algumas duvidas. Será que o meu bebé ouve e gosta da musica que eu oiço? Quais os benefícios de ouvir musica, ainda tão pequenino?

Com efeito, durante o período de gestação surgem por vezes níveis altos de stresse na mulher grávida que poderão ter efeitos negativos no desenvolvimento fetal. A música e o canto exercem um efeito calmante sobre a mãe expectante e o bebé ainda não nascido e contribuem para um bebé saudável e feliz mais tarde na vida.

A música também é uma parte importante do vínculo pré-natal. Ouvir uma música relaxante ou cantar canções de embalar facilita o relaxamento por todo o corpo, facilitando a ligação e harmonia entre a grávida e o seu bebé.

Ouvir todos os tipos de música incentiva o desenvolvimento inicial do cérebro no feto, facilitando as conexões dos neurónios no cérebro. Ouvir e experimentar música estimula o cérebro do feto e auxilia no crescimento de estruturas cerebrais. Novos estudos sugerem até que os bebés se lembram da música que ouviram no útero por até quatro meses após o nascimento.

musica durante a gravidez

Algumas dicas importantes para ouvir música durante a gravidez:

• Não é necessário exagerar com a descoberta de que a música incentiva o desenvolvimento do bebé por nascer, tocando constantemente música durante toda a gravidez. Ouça música para seu próprio prazer e não com o objetivo de ajudar no desenvolvimento do seu bebé.

• Não ponha a música muito alto, os barulhos altos tendem a perturbar bebés em crescimento.

• Não se esqueça de cantar também. Como já foi descrito, o som da voz materna é incrivelmente reconfortante para o bebé e auxilia no desenvolvimento de um vínculo mesmo ainda antes do seu nascimento

Mais tarde, o bebé recém nascido ficará tranquilo e calmo ao ouvir as musicas que ouvia durante a gravidez, porque afinal: “Sabes mamã, eu gosto muito de ouvir musica…  “

E se dúvidas restarem, vamos lançar um desafio: Queremos mamãs a escrever nos comentários das nossas redes sociais a sua experiência. E que tal começarmos a partilhar comigo e com a Dra. Cegonha o que acontece? 😉

Partilhar