fbpx
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR
NOME
E-MAIL
SEMANA DE GRAVIDEZ
X FECHAR

Obrigado

Enviado com sucesso. O teu ebook vai a caminho

Marina Pereira
Escrito por:

Marina Pereira Enfermeira e Assessora de Lactação

8 desvantagens do biberão

O biberão é um método para alimentar o bebé bastante utilizado, porém, tem algumas desvantagens quando comparado com outras formas de alimento como o copo ou a colher doseadora.

As 8 principais desvantagens do biberão são:

  • Maior ingestão de ar

A quantidade de ar que o bebé ingere quando é alimentado pelo biberão é maior quando comparada com a quantidade de ar ingerida numa mamada. Essa maior gestão de ar aumenta a probabilidade do bebé ter cólicas e, por isso o biberão é desaconselhado quando o bebé tem maior tendência a tê-las.

  • Leva a uma diminuição da produção de leite materno

O leite materno pode ser oferecido através diretamente da mama ou por outras formas como o copo ou o biberão. No entanto, quando o bebé é alimentado através do biberão pode acontecer uma diminuição da produção de leite materno por não haver estimulação direta do bebé na mama.

  • Gera confusão de bicos

Quando um bebé é amamentado e os pais tentam introduzir o biberão, pode ser gerada uma confusão de bicos, entre o bico do biberão e o mamilo, o que aumenta o risco de desmame precoce.

  • Não é tão prático como mamar na mama

A verdade mamã é que nada é tão prático como a maminha. Em qualquer lugar, a qualquer momento, está à temperatura ideal e é só oferecê-la ao bebé, ao contrário do biberão que precisa de ser esterilizado e ser verificada a temperatura do leite (exceto se tiver sido acabado de ser extraído).

  • Afeta o vínculo mãe-bebé

A amamentação é um fator muito importante no vínculo mãe-bebé. A relação com o teu bebé torna-se mais forte quando ele mama devido ao contacto com a tua pele e ao toque.

  • Não funciona como método contracetivo natural

Muitas mamãs enquanto amamentam não utilizam nenhum método contracetivo porque ficam em amenorreia lactacional. Mas atenção que este método só funciona se a amamentação for exclusiva e em livre demanda, se a mulher estiver sem menstruação e o bebé tiver menos de 6 meses.

  • Não é tão eficaz na recuperação de peso pós-parto

Outra desvantagem do biberão é o impacto negativo na recuperação do peso anterior ao parto. Isto porque a amamentação gera vários processos fisiológicos ao nível da maminha e do sistema reprodutor feminino que ajudam a diminuir o peso no pós-parto.

  • Alterações na musculatura da boca

O biberão quando utilizado muito tempo pode provocar alterações ao nível dos músculos da boca do bebé e, posteriormente, provocar alterações na fala ou problemas dentários.

Substitutos do biberão

Mesmo que extraias o leite materno e o ofereças ao bebé ou mesmo se não tiveres possibilidade de amamentar por alguma razão ou por escolha, o ideal é optares por outros métodos como o copo ou a colher doseadora.

O copo permite que o bebé seja alimentado sem provocar confusão de bicos com o teu mamilo e pode ser um ótimo recurso se, no pós-parto, o bebé precisar de ficar longe da mãe.

A colher doseadora embora consiga alimentar em pequenas doses de cada vez é um ótimo substituto do biberão porque, tal como o copo, também impede a confusão de bicos e é de fácil utilização.

Claro que, se qualquer mamã ou papá quiser utilizar o biberão, estão no direito de o fazer. O importante é terem conhecimento das vantagens e desvantagens de cada método para poderem tomar uma decisão o mais informada possível.

Se precisares de ajuda a escolher o método para ti e para o teu bebé, contacta uma conselheira da amamentação ou médico pediatra para que te possam ajudar da melhor forma.

Partilhar